Feminismo e Egoísmo

2 Comentários
209 Visualizações

Feminismo e o egoísmo

“Não, nós não cremos que qualquer mulher deva ter essa escolha. Nenhuma mulher deveria ser autorizada a ficar em casa para criar crianças. A Sociedade deveria ser totalmente diferente. As mulheres não deveriam ter essa escolha, exatamente porque se houver tal opção, mulheres demais irão fazê-la. É uma forma de forçar as mulheres em uma certa direção.” (Simone de Beauvior, 1975)
A mulher foi criada por Deus para ser sua auxiliar aqui na terra, ou seja, para ser o seu socorro aqui na terra.
E falar de socorro é falar de servir, de se doar. Porém com os pensamentos feministas tomando conta cada vez mais do mundo feminino, o que presenciamos hoje são mulheres fugindo dessa missão tão linda que é o de ser socorro para humanidade através de seus afetos, de suas palavras, de sua meiguice.
A frase de Simone de Beauvior que parecia tão distante, se faz tão presente atualmente porque percebemos um crescente de mulheres que não querem servir seus maridos, mas acabam servindo seus chefes. Usam anticoncepcionais para uma maior liberdade de parceiros, mas se tornam escravas dos desafetos. Não querem educar seus filhos e se tornam reféns de crianças mimadas e fora de controle. Diante de uma gravidez indesejada optam pelo aborto e acabam colhendo a tristeza por uma vida ceifada.
Hoje o que vemos são mulheres egoístas. Mulheres com filhos o dia inteiro na escola, com diarista em casa, e que se tornaram escravas da reclamação, da murmuração porque não tem tempo para ficar sozinha olhando seu Instagram ou vendo sua série preferida. Mulheres que não sabem ensinar a partilha para seus filhos porque elas mesmas não querem partilhar seus salários com seus esposos, pois afinal, cada um tem seu dinheiro e cada um paga sua conta. Mulheres frustradas porque são mães e donas de lares e não tem mais o tempo para as baladas. Mulheres que não sabem ensinar sobre Deus para os outros porque acham que Deus é um sistema patriarcal e preferem invadir igrejas, destruir imagens, expor suas partes íntimas frente aos padres.
O mundo hoje precisa do resgate das verdadeiras mulheres. Daquelas que compreenderam que sua missão aqui nessa terra é do sacrifício, do amor, da doação.
O caminho da santidade para a mulher está claramente em purificar a sensibilidade que Deus lhe deu e guia-la pelas vias adequadas.


Matar um bebê com injeção salina: você pode impedir essa atrocidade

Muitos estão acompanhando a louvável ação do Conselho Federal de...

A ALMA DO SER HUMANO

Em que momento Deus nos concede uma alma? Esse é...

Deixe seu comentário